Fukushima




Abstração marrom
ost
- 100 x 100

Sem título
ost
- 110 x 135


Currículo Resumido

Tikashi Fukushima (1920 - 2001)

Pintor, gravador.

Vem ao Brasil em 1940 e reside, inicialmente, nas cidades de Pompéia e Lins, no interior de São Paulo. Em 1946, transfere-se para o Rio de Janeiro para trabalhar como assistente do pintor Tadashi Kaminagai (1899 - 1982), de quem torna-se aluno. Entre 1947 e 1948, freqüenta aulas, como ouvinte, na Escola Nacional de Belas Artes - Enba. Em 1949, muda-se para São Paulo e monta uma oficina de molduras no Largo Guanabara, no bairro do Paraíso, que passa a ser ponto de encontro dos artistas de tendências afins e que formam, em 1950, o Grupo Guanabara. Nesse período, integra o Grupo Seibi. Entre 1977 e 1990, é presidente da Comissão de Artes Plásticas da Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa. Em 1979, é membro da Comissão de Artes da Fundação Brasil-Japão de Artes Plásticas. Em 2001, a Pinacoteca do Estado de São Paulo - Pesp, exibe uma mostra retrospectiva de sua obra.

"Quando Fukushima chegou ao Brasil e começou a estudar pintura com Tadashi Kaminagai, no Rio de Janeiro, já havia escolhido a paisagem como ambiente de expressão. A exemplo de vários conterrâneos, trouxe na memória, a terra, as árvores e as montanhas para expressá-los na pintura - no início como impressionista, seguindo a tendência da época e depois sucumbindo ao que seria a sua trajetória informal, abstracionando os elementos temáticos. Fukushima tem a sistemática do regime atento, que é a técnica japonesa na arte, na indústria e em outras diversas áreas. Trata-se de uma tendência obrigatória de evolução no sentido ativo de modernidade. assim, integra-se ao Tachismo, porém conservando toda uma poesia literária nos gestos e nas cores, insinuando campos, montanhas, ventos e climas com pinceladas gestuais, sem formas geométricas, tendendo ao informalismo difuso. Fukushima faz uso das texturas, dando assim os volumes dos claros e escuros, matizando a mancha, criando efeitos numa alternância valorizadora. Os planos não são planos, são passagens tonais, e a linha, quando aparece, é apenas um efeito dos limites do pincel, ou mesmo a consequência da fluidez da tinta que o artista deixa escorrer deliberadamente. As cores são intensamente poéticas, tratando a severidade do ambiente e suavizando o resultado em temas como: Anoitecer na Montanha, Vento e Mar, Sonho, Suave Sensação, entre outros. São estados da alma que ele não comenta, mas expressa com tal maestria que nos convence que a matéria ali exposta não é só pasta de óleo e pigmentos e sim notas melódicas para os nossos olhos. Uma espantosa serenidade e o silêncio feroz que se acolhe em sua superfície pictórica. Hoje, em plena maturidade, Fukushima sente-se realizado como artista. Primeiro, por fazer da evolução de sua obra uma escola admirada e respeitada no Brasil e no exterior, depois, como ser humano por conseguir extravasar todos os seus sentimentos através dos pincéis carregados com as emoções das cores de sua palheta".
Hélio Alves Neves
NEVES, Hélio Alves. Os 50 anos de pintura de um grande artista. In: FUKUSHIMA, Tikashi. Tikashi Fukushima. São Paulo: Galeria de Arte André, 1997. p.[3].


Exposições

1950 - Lins SP - Individual, no Clube Linense
1957 - Araçatuba SP - Individual 
1957 - Lins SP - Individual 
1957 - Marília SP - Individual 
1957 - São Paulo SP - Individual 
1957 - São Paulo SP - Individual, no Cine Niterói
1960 - Campinas SP - Individual, na Galeria Aremar
1961 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Ambiente
1961 - São Paulo SP - Individual, no MAM/SP
1962 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Astréia
1963 - São Paulo SP - Individual, na Galeria La Rouche
1963 - São Paulo SP - Individual, na Galeria La Ruche
1963 - São Paulo SP - Individual, no IAB/SP
1964 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Astréia
1965 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Galeria Ibeu Copacabana
1965 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Astréia
1966 - São Paulo SP - Individual, na Chelsea Galeria de Arte
1967 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Galeria Copacabana
1967 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Astréia
1968 - São Paulo SP - Individual, na Documenta Galeria de Arte
1968 - São Paulo SP - Individual, na Chelsea Galeria de Arte
1969 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Galeria Copacabana
1969 - Santos SP - Individual, no Centro Cultural Brasil Estados Unidos
1969 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Astréia
1970 - São Paulo SP - Individual, na Documenta Galeria de Arte
1971 - Brasília DF - Individual, na Galeria do Hotel Nacional
1971 - Rio de Janeiro RJ - Individual, Galeria de Arte Ipanema
1971 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Cosme Velho
1972 - Belo Horizonte MG - Individual, na Galeria Guignard
1972 - Washington D. C. (Estados Unidos) - Individual, na  Organization of American States. Art Museum of the Americas
1973 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Galeria de Arte Ipanema
1974 - São Paulo SP - Individual, na Documenta Galeria de Arte
1975 - São Paulo SP - Individual, na Galeria de Arte Ipanema
1976 - São Paulo SP - Individual, na Documenta Galeria de Arte
1977 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Galeria de Arte Ipanema
1979 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Galeria de Arte Ipanema
1981 - Belo Horizonte MG - Individual, na Galeria de Arte Ami
1983 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Alberto Bonfiglioli
1985 - São Paulo SP - Individual, na Galeria de Arte André
1986 - Salvador BA - Individual, no Escritório de Arte da Bahia
1987 - Porto Alegre RS - Individual, na Bolsa de Arte de Porto Alegre
1988 - São Paulo SP - Individual, na Galeria de Arte André
1996 - São Paulo SP - Pinturas de Tikashi Fukushima: 1946 a 1996, na Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa
1997 - São Paulo SP - Individual, na Nova André Galeria
2001 - São Paulo SP - Fukushima por Fukushima, na Pinacoteca do Estado


1947 - Rio de Janeiro RJ - 53º Salão Nacional de Belas Artes, no MNBA
1948 - Rio de Janeiro RJ - 54º Salão Nacional de Belas Artes, no MNBA - menção honrosa
1948 - São Paulo SP - 14º Salão Paulista de Belas Artes, na Galeria Prestes Maia
1949 - Rio de Janeiro RJ - 55º Salão Nacional de Belas Artes, no MNBA
1949 - São Paulo SP - 15º Salão Paulista de Belas Artes, na Galeria Prestes Maia
1950 - São Paulo SP - 1ª Exposição do Grupo Guanabara, na Galeria Domus
1950 - São Paulo SP - Salão Paulista de Belas Artes
1951 - Rio de Janeiro RJ - 57º Salão Nacional de Belas Artes, no MNBA - medalha de bronze
1951 - São Paulo SP - 1ª Bienal Internacional de São Paulo, no Pavilhão do Trianon
1951 - São Paulo SP - 2ª Exposição do Grupo Guanabara, no IAB/SP
1952 - Rio de Janeiro RJ - 1º Salão Nacional de Arte Moderna, no MAM/RJ
1952 - São Paulo SP - 17º Salão Paulista de Belas Artes - medalha de bronze
1952 - São Paulo SP - 17º Salão Paulista de Belas Artes, nos Salões do Trianon
1952 - São Paulo SP - 1º Salão do Grupo Seibi de Artistas Plásticos, no Clube Sakura - medalha de prata
1953 - Rio de Janeiro RJ - 2º Salão Nacional de Arte Moderna, no MNBA
1953 - São Paulo SP - 18º Salão Paulista de Belas Artes, na Galeria Prestes Maia
1953 - São Paulo SP - 3ª Exposição do Grupo Guanabara, na Galeria Fukushima
1954 -  São Paulo SP - 19º Salão Paulista de Belas Artes, na Galeria Prestes Maia - prêmio aquisição
1954 - Rio de Janeiro RJ - Salão Preto e Branco, no Palácio da Cultura
1955 - São Paulo SP - 3ª Bienal Internacional de São Paulo, no Pavilhão das Nações
1955 - São Paulo SP - 4º Salão Paulista de Arte Moderna, na Galeria Prestes Maia
1956 - Rio de Janeiro RJ - 5º Salão Nacional de Arte Moderna
1956 - Salvador BA - 6º Salão Baiano de Belas Artes, na Galeria Oxumaré
1956 - São Paulo SP - 20º Salão Paulista de Belas Artes - medalha de prata
1957 - Rio de Janeiro RJ - 6º Salão Nacional de Arte Moderna
1957 - Santos SP - Salão Santista de Belas Artes - medalha de prata
1957 - São Paulo SP - 21º Salão Paulista de Belas Artes - 1º Prêmio Prefeito de São Paulo
1958 - Rio de Janeiro RJ - Salão de Arte A Mãe e a Criança
1958 - São Paulo SP - 23º Salão  Paulista de Belas Artes
1958 - São Paulo SP - 4ª Exposição do Grupo Guanabara, na Associação Cristão de Moços
1958 - São Paulo SP - 4º Salão do Grupo Seibi de Artistas Plásticos, no Cine Niterói - grande medalha de ouro 
1958 - São Paulo SP - 7º Salão Paulista de Arte Moderna, na Galeria Prestes Maia - pequena medalha de prata
1959 - Dallas (Estados Unidos) - Coletiva, no Dallas Museum of Art
1959 - São Paulo SP - 5ª Exposição do Grupo Guanabara, na Associação Cristã de Moços
1959 - São Paulo SP - 8º Salão Paulista de Arte Moderna, na Galeria Prestes Maia - grande medalha de prata
1960 - Rio de Janeiro RJ - 9º Salão Nacional de Arte Moderna, no MAM/RJ - isenção de júri
1960 - São Paulo SP - 9º Salão Paulista de Arte Moderna, na Galeria Prestes Maia - pequena medalha de ouro
1960 - São Paulo SP - Exposição dos Sete, no Cooperativa Agrícola de Cotia
1961 - Belo Horizonte MG - 16º Salão de Belas Artes da Cidade de Belo Horizonte, no Museu de Arte da Pampulha - premiado
1961 - São Paulo SP - 10º Salão Paulista de Arte Moderna, na Galeria Prestes Maia
1961 - São Paulo SP - 6ª Bienal Internacional de São Paulo, no Pavilhão Ciccilo Matarazzo Sobrinho
1961 - Tóquio (Japão) - 6ª Bienal de Tóquio
1962 - Bragança Paulista SP - Exposição dos Seis, no Clube Dois
1962 - Colorado (Estados Unidos) - New Art of Brazil, no Colorado Springs Fine Arts Center
1962 - Curitiba PR - Salão do Paraná, na Biblioteca Pública do Paraná - melhor pintor nacional
1962 - Minneapolis (Estados Unidos) - New Art of Brazil, no Walker Art Center
1962 - Saint Louis (Estados Unidos) - New Art of Brazil, no City Art Museum of St Louis
1962 - San Francisco (Estados Unidos) - New Art of Brazil, no San Francisco Museum of Art
1962 - São Paulo SP - 11º Salão Paulista de Arte Moderna, na Galeria Prestes Maia - 1º Prêmio Governador do Estado
1962 - São Paulo SP - Coletiva, na Galeria Folhas
1963 - Campinas SP - Pintura e Escultura Contemporâneas, no Museu Carlos Gomes
1963 - São Paulo SP - 7ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal 
1963 - Rio de Janeiro RJ - 12º Salão Nacional de Arte Moderna - prêmio de viagem ao país
1964 - Rio de Janeiro RJ - 13º Salão Nacional de Arte Moderna
1964 - Rio de Janeiro RJ - Quatro Pintores Nipo-Brasileiros, no MAM/RJ 
1964 - Rio de Janeiro RJ - Quatro Pintores Nipo-Brasileiros, no MAM/RJ
1964 - São Paulo SP - Quatro Pintores Nipo-Brasileiros, na Galeria La Rouche
1965 - Nova York (Estados Unidos) - Brazilian Painters Today, na The New York Hilton Gallery at Rockfeller Center
1965 - Oakland (Estados Unidos) - Japanese Artists of Brazil
1965 - São Paulo SP - 8ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal - prêmio aquisição do Itamaraty
1965 - Tóquio (Japão) - Japanese Artists of Brazil
1965 - Washington D.C. (Estados Unidos) - Japanese Artists of Brazil 
1966 - Nova York (Estados Unidos) - The Emergent Decade: Latin American painters and paintings in the 1960's, no Solomon R. Guggenheim Museum
1966 - Salvador BA - 1ª Bienal Nacional de Artes Plásticas
1966 - São Paulo SP - 10º Salão do Grupo Seibi de Artistas Plásticos, na Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa
1966 - São Paulo SP - Artistas Nipo-Brasileiros, no MAC/USP
1966 - São Paulo SP - Três Premissas, no MAB/Faap
1967 - São Paulo SP - 9ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal 
1968 - São Paulo SP - Prêmio Leirner de Arte Contemporânea, na Galeria de Arte Folhas
1969 - Copenhague (Dinamarca) - Artistas Nipo-Brasileiros
1969 - Estocolmo (Suécia) - Artistas Nipo-Brasileiros
1969 - Oslo (Noruega) - Artistas Nipo-Brasileiros 
1969 - São Paulo SP - 19 Artistas Nipo-Brasileiros, no MAC/USP
1969 - São Paulo SP - 1º Panorama de Arte Atual Brasileira. no MAM/SP
1969 - São Paulo SP - Exposição da Galeria Alberto Bonfiglioli, na Galeria Alberto Bonfiglioli
1970 - Osaka (Japão) - Exposição Mundial de Osaka
1970 - São Paulo SP - Pinacoteca do Estado de São Paulo 1970 
1972 - São Paulo SP - Arte/Brasil/Hoje: 50 anos depois, na Galeria da Collectio
1973 - São Paulo SP - 5º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1975 - Atami (Japão) - 2ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão 
1975 - Kyoto (Japão) - 2ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1975 - Rio de Janeiro RJ - 2ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1975 - São Paulo SP - 2ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão, na Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo
1975 - Tóquio (Japão) - 2ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1976 - São Paulo SP - 8º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1977 - Rio de Janeiro RJ - 3ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1977 - São Paulo SP - 3ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1977 - Tóquio (Japão) - 3ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1978 - São Paulo SP - As Bienais e a Abstração: a década de 50, no Museu Lasar Segall
1978 - São Paulo SP - 3 Gerações de Artistas Nipo-Brasileiros, na Galeria Arte Global
1979 - Atami (Japão) - 4ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1979 - Curitiba PR - Artistas Nipo-Brasileiros, no Badep
1979 - Kyoto (Japão) - 4ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1979 - São Paulo SP - 11º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1979 - São Paulo SP - 4ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1979 - Tóquio (Japão) - 4ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1980 - São Paulo SP - Mestres do Abstracionismo Lírico no Brasil, na Galeria Eugénie Villien
1981 - Atami (Japão) - 5ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1981 - Kyoto (Japão) - 5ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão 
1981 - Osaka (Japão) - Exposição Latino-Americana de Arte Contemporânea Brasil/Japão, no National Museum of Art
1981 - São Paulo SP - 5ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1981 - Tóquio (Japão) - 5ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1983 - Atami (Japão) - 6ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1983 - Kyoto (Japão) - 6ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1983 - Rio de Janeiro RJ - 6ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão, no MNBA 
1983 - São Paulo SP - 6ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão, no Masp 
1983 - Tóquio (Japão) - 6ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão 
1984 - Buenos Aires (Argentina) - Mestres do Abstracionismo Brasileiro 
1984 - Haia (Holanda) - Mestres do Abstracionismo Brasileiro
1984 - Lisboa (Portugal) - Mestres do Abstracionismo Brasileiro
1984 - Londres (Inglaterra) - Mestres do Abstracionismo Brasileiro
1984 - Madri (Espanha) - Mestres do Abstracionismo Brasileiro
1984 - Milão (Itália) - Mestres do Abstracionismo Brasileiro
1984 - Nova York (Estados Unidos) - Mestres do Abstracionismo Brasileiro
1984 - Paris (França) - Mestres do Abstracionismo Brasileiro
1984 - Roma (Itália) - Mestres do Abstracionismo Brasileiro
1984 - Washington D.C. (Estados Unidos) - Mestres do Abstracionismo Brasileiro
1985 - Atami (Japão) - 7ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão 
1985 - Kyoto (Japão) - 7ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão 
1985 - Rio de Janeiro RJ - 7ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão, na Fundação Brasil-Japão
1985 - Rio de Janeiro RJ - Seis Décadas de Arte Moderna: Coleção Roberto Marinho, no Paço Imperial
1985 - São Paulo SP - 100 Obras Itaú, no Masp
1985 - São Paulo SP - 7ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão, na Fundação Brasil-Japão
1985 - São Paulo SP - Artistas Japoneses na Coleção do MAC, no MAC/USP
1985 - Tóquio (Japão) - 7ª Exposição de Belas Artes Brasil-Japão
1986 - Rio de Janeiro RJ - Ecologia - Tradição e Atualidade, no Espaço Petrobras
1986 - Rio de Janeiro RJ - Tempos de Guerra: Hotel Internacional, na Galeria de Arte Banerj
1986 - Rio de Janeiro RJ - Tempos de Guerra: Pensão Mauá, na Galeria de Arte Banerj
1986 - São Paulo SP - A Arte na História da Imigração Japonesa, no Masp
1986 - São Paulo SP - Antes e Agora: 8 pintores, na Fundação Cásper Líbero
1986 - São Paulo SP - Tempos de Guerra: Hotel Internacional, na Fundação Bienal
1986 - São Paulo SP - Tempos de Guerra: Pensão Mauá, na Fundação Bienal
1987 - São Paulo SP - 20ª Exposição de Arte Contemporânea, na Chapel Art Show
1987 - São Paulo SP - 20ª Exposição de Arte Contemporânea, na Chapel Art Show
1987 - São Paulo SP - Artistas Nikkeis dos EUA e do Brasil, na Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa
1987 - São Paulo SP - Primavera, na Liberdade Garô Galeria de Arte
1988 - Belém PA - Herança do Japão: aspectos das artes visuais nipo-brasileiras, na Fundação Romulo Maiorana
1988 - Brasília DF - Herança do Japão: aspectos das artes visuais nipo-brasileiras
1988 - Curitiba PR - Herança do Japão: aspectos das artes visuais nipo-brasileiras, no MAC/PR 
1988 - Londrina PR - Imin80, na Galeria Arte Nossa
1988 - Manaus AM - Herança do Japão: aspectos das artes visuais nipo-brasileiras, na Pinacoteca do Estado
1988 - Porto Alegre RS - Herança do Japão: aspectos das artes visuais nipo-brasileiras,no Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli
1988 - Recife PE - Herança do Japão: aspectos das artes visuais nipo-brasileiras, na Fundação Joaquim Nabuco. Instituto de Cultura
1988 - São Paulo SP - 15 Anos de Exposição de Belas Artes Brasil-Japão, na Fundação Mokiti Okada M.O.A.
1988 - São Paulo SP - 5º Salão de Arte Brasil-Japão, na Fundação Mokiti Okada M.O.A.
1988 - São Paulo SP - Herança do Japão: aspectos das artes visuais nipo-brasileiras, no MAB/Faap
1988 - São Paulo SP - Pioneiros da Arte Nipo-Brasileira, no Caesar Park Hotel
1988 - São Paulo SP - Vida e Arte dos Japoneses no Brasil, no Masp
1989 - Lisboa (Portugal) - Seis Décadas de Arte Moderna Brasileira: Coleção Roberto Marinho, no Centro de Arte Moderna José de Azeredo Perdigão
1989 - Rio de Janeiro RJ - Herança do Japão: aspectos das artes visuais nipo-brasileiras, no MNBA
1989 - São Paulo SP - Pintura Brasil Século XIX e XX: obras do acervo do Banco Itaú, na Itaú Galeria
1990 - Atami (Japão) - 9ª Exposição Brasil-Japão de Arte Contemporânea
1990 - Brasília DF - 9ª Exposição Brasil-Japão de Arte Contemporânea 
1990 - Brasília DF - Figurativismo/Abstracionismo: o vermelho na pintura brasileira, na Itaú Galeria
1990 - Rio de Janeiro RJ - 9ª Exposição Brasil-Japão de Arte Contemporânea
1990 - São Paulo SP - 9ª Exposição Brasil-Japão de Arte Contemporânea, na Fundação Brasil-Japão
1990 - São Paulo SP - Figurativismo/Abstracionismo: o vermelho na pintura brasileira, no Itaú Cultural
1990 - Sapporo (Japão) - 9ª Exposição Brasil-Japão de Arte Contemporânea
1990 - Tóquio (Japão) - 9ª Exposição Brasil-Japão de Arte Contemporânea
1991 - Belo Horizonte MG - Figurativismo/Abstracionismo: o vermelho na pintura brasileira
1991 - Santos SP - 3ª Bienal Nacional de Santos, no Centro Cultural Patrícia Galvão
1992 - Atami (Japão) - 10ª Exposição Brasil-Japão de Arte Contemporânea
1992 - Kyoto (Japão) - 10ª Exposição Brasil-Japão de Arte Contemporânea
1992 - São Paulo SP - 10ª Exposição Brasil-Japão de Arte Contemporânea, na Fundação Brasil-Japão
1992 - São Paulo SP - Grupo Guanabara: 1950-1959, no Renato Magalhães Gouvêa - Escritório de Arte
1992 - Tóquio (Japão) - 10ª Exposição Brasil-Japão de Arte Contemporânea
1993 - Campinas SP - Figurativismo/Abstracionismo: o vermelho na pintura brasileira
1993 - São Paulo SP - Eram Brasileiros os que Ficaram, na Pinacoteca do Estado
1993 - São Paulo SP - Exposição Luso-Nipo-Brasileira, no MAB/Faap 
1994 - São Paulo SP - Bienal Brasil Século XX, na Fundação Bienal 
1994 - São Paulo SP - Onze Pintores, na Galeria Múltipla de Arte
1994 - Valinhos SP - 1ª Bienal Paulista de Arte Contemporânea, no Parque Municipal Monsenhor Bruno Nardini
1995 - Brasília DF - Sete Samurais da Arte Brasileira, na LBV
1995 - Niigata (Japão) - Exposição dos Pintores Nipo-Brasileiros Contemporâneos, no The Niigata Prefectual Museum of Modern Art
1995 - São Paulo SP - Brasil-Japão Arte, na Fundação Mokiti Okada M.O.A.
1995 - São Paulo SP - Projeto Arte Atual Brasil, no Renato Magalhães Gouvêa Escritório de Arte
1995 - Tokushima (Japão) - Exposição dos Pintores Nipo-Brasileiros Contemporâneos, no Centro Cultural Tokushima
1995 - Curitiba PR - Celebration Exhibit of Centennial Friendiship Between Brasil-Japan, no Museu Metropolitano de Arte
1995 - Lisboa (Portugal) - Mares Navegados, no Mosteiro dos Jerônimos
1996 - Gifu (Japão) - Exposição dos Pintores Nipo-Brasileiros Contemporâneos, no The Museum of Fine Art Gifu
1996 - São Paulo SP - Arte Brasileira: 50 anos de história no acervo MAC/USP: 1920-1970, no MAC/USP
1996 - São Paulo SP - Exposição dos Pintores Nipo-Brasileiros Contemporâneos, no Masp
1996 - Tóquio (Japão) - Exposição dos Pintores Nipo-Brasileiros Contemporâneos, no Azabu Art Museum
1997 - Jacareí SP - Exposição dos Pintores Nipo-Brasileiros Contemporâneos, na Oficina de Artes Santa Helena
1998 - Belo Horizonte MG - Mostra Internacional Itinerante Japão-Brasil, na Fundação Clóvis Salgado. Palácio das Artes
1998 - Ipatinga MG - Mostra Internacional Itinerante Japão-Brasil, no Centro Cultural Usiminas
1998 - São Paulo SP - Grupo Seibi, na Jo Slaviero Galeria de Arte
1998 - São Paulo SP - São Paulo: visão dos nipo-brasileiros, no Museu Lasar Segall
1998 - São Paulo SP - Traços e Formas, na Jo Slaviero Galeria de Arte
1999 - Brasília DF - Mostra Internacional Itinerante Japão-Brasil, no Ministério das Relações Exteriores
1999 - São Paulo SP - Cotidiano/Arte. O Consumo - Metamorfose do Consumo, no Itaú Cultural
1999 - São Paulo SP - Mostra Internacional Itinerante Japão-Brasil, no Masp
2001 - São Paulo SP - Arte Nipo-Brasileira: momentos, na Galeria Euroart Castelli


Itaú Cultural

Firenze Galeria de Arte
Rua Gonçalves Dias, 1866 - Lourdes | BH - MG - CEP: 30140-092 | Tel.: (31) 3291-2343 - galeriafirenze@galeriafirenze.com.br